{Resenha} The Kiss Of Deception

The Kiss Of Deception – Mary E. Pearson

Sinopse:
Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia, decidiu fugir de um casamento arranjado que supostamente selaria a paz entre dois reinos através de uma aliança política. O jovem príncipe escolhido se vê então obrigado a atravessar o continente para encontrá-la a qualquer custo. Mas essa se torna também a missão de um temido assassino. Quem a encontrará primeiro? Quando se vê refugiada em um pequeno vilarejo distante o lugar perfeito para recomeçar ela procura ser uma pessoa comum, se estabelecendo como garçonete, e escondendo sua vida de realeza. O que Lia não sabe, ao conhecer dois misteriosos rapazes recém-chegados ao vilarejo, é que um deles é o príncipe que fora abandonado e está desesperadamente à sua procura, e o outro, um assassino frio e sedutor enviado para dar um fim à sua breve vida. Lia se encontrará perante traições e segredos que vão desvendar um novo mundo ao seu redor.


A primeira vez que vi esse livro, eu pensei: ” Nossa, que capa incrível”, aí  eu li o título e pensei no quão maravilhosa poderia ser a história por trás do título e capa. Depois de ler a sinopse e uma resenha, decidi que era a hora de ler algo da Darkside. E não deu outra! Esse foi o melhor livro que eu li em 2016 até agora.

Em The Kiss Of Deception, vamos conhecer a princesa Lia, que é a primeira filha da casa real do reino de Morrighan. Segundo a tradição, a primeira filha carrega um tipo de “dom”, e por esse motivo, a protagonista da história, é prometida para o príncipe do reino “rival” com o objetivo de selar a paz através de uma aliança politica. Só que Lia, decide que não vai fazer parte disso, que não vai se casar com um mero desconhecido, nem mesmo para salvar o seu reino. E é então, que no dia do casamento ela resolve fugir, juntamente com sua amiga fiel e também sua criada, Pauline. Mas essa fuga terá consequências, pois o príncipe abandonado decide ir atrás daquela que teve a coragem e audácia de deixa – lo plantado no altar, e em contrapartida, um assassino é enviado pelos bárbaros para mata -la e assim acabar de vez com possível aliança entre os reinos. A pergunta é, quem a encontrará primeiro?

Meu peito estava esmagado com a dor, uma dor tão profunda e real que me levou a imaginar se corações eram literalmente capazes de se partir.

Após a partida, Lia segue para Terravin, uma cidadezinha onde Pauline nasceu e foi criada. Lá, ela não é reconhecida e começa a ter a vida da maneira que ela acha que sempre desejou. Só que ela é uma primeira filha, e não importa o quanto ela tente fugir disso, as obrigações serão cobradas.

O mais incrível dessa história é a maneira como ela é trabalhada. Aqui temos uma protagonista forte, decidida e disposta a tudo em nome da sua liberdade. Mas por outro lado, temos  uma Lia completamente ligada aos seus irmãos e esperançosa em relação ao amor. A autora soube explorar de todas as maneiras possíveis o enredo que tinha em mãos. Além disso, o livro é narrado em três pontos de vista: Lia, o assassino e o príncipe, mas, a grande jogada é que até o final do livro, o leitor não sabe quem é o príncipe e quem é o assassino. É isso mesmo meus amigos, a autora resolveu brincar conosco, e talvez, esse seja um dos fatos que mais nos prende a leitura.

Às vezes somos levados a fazer coisas que achávamos que nunca seríamos capazes de fazer.

Com um final que te deixa ansioso para o próximo livro, The Kiss Of Deception, foi uma aposta certa da DarkSide. Carregado de mistério, magia, batalhas e amor, o primeiro livro das Crônicas de Amor&Ódio, ganhou meu coração de uma maneira que eu não saberia explicar. Eu fiquei confusa, encantada e apaixonada. Eu torci,fiquei com raiva, me enganei e quis lutar com a Lia e por ela. Além disso, os personagens secundários se encaixam de maneira perfeita na história, tornando tudo ainda mais delicioso. 

Talvez não houvesse nenhuma forma de definir o sentimento. Talvez houvesse tantos tons de amor quanto existem tons de azul no céu.

E o que dizer da parte gráfica do livro? Recebi um marcador e um pôster/mapa. A Darkside nunca deixa a desejar, quando o assunto é a parte gráfica do livro, é simplesmente lindo. Se você ainda não leu, não perca tempo, e mergulhe nessa história envolvente e divida comigo todo o seu amor pela Lia e todos os outros personagens.

favorito 1

Beijos,
http---signatures.mylivesignature.com-54493-207-D364FBF14B6AE2645DD79C5F8014E1A3

Anúncios

2 comentários sobre “{Resenha} The Kiss Of Deception

  1. Ahhh o que dizer sobre esse livro maravilhoso? Tipo quero continuação para ONTEM! DarkSide meu amor, agiliza aii!!
    Lindo esse livro né Carol? Me surpreendi tanto com a leitura dele! E vc acertou quem era o Assassino e quem era o Príncipe? Eu tinha acertado, mas ai teve uma cena q a autora me enganou direitinho e eu mudei de opinião sobre quem era quem, então errei! kkk
    Linda resenha!
    Beijinhos!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s